A minha maior expectativa num concerto é que as pessoas saiam de lá edificadas – Ana Panzo

Ana Panzo tem 25 anos de idade e canta desde criança, nasceu numa família de músicos. Cresceu na Igreja Baptista de Angola (CBA) mas agora é membro da Comunidade Cristã Evangélica. É integrante do grupo ao Som da Graça. Ana diz que o nome do grupo se deve ao facto de entenderem que todos fomos chamados pela graça.

“Essa graça é JESUS e há Nele um som” referiu a cantora.

Ana conversou com o repórter Supremo no final do concerto dos Filhos do Ngana no cine Atlântico, estou a preparar o meu concerto. Hoje há uma interacção boa entre os irmãos, embora não estamos sempre próximos, mas quando nos encontramos é sempre bom ministrarmos e partilhar a palavra de DEUS entre nós. A Cantora afirmou que “o que nos une é muito mais forte do que o que nos separa”. “A minha maior expectativa num concerto é que as pessoas saiam de lá edificadas”, disse a Cantora.

A Bíblia diz que quanto ao mais, irmãos, tudo o que é verdadeiro, tudo o que é honesto, tudo o que é justo, tudo o que é puro, tudo o que é amável, tudo o que é de boa fama, se há alguma virtude, e se há algum louvor, nisso pensai. Eu penso que quando alguém organiza um concerto o fim deve ser este e se não for este então está em pecado.

 “Quando eu ministro eu sempre penso em curas, libertação, milagres”

Quando Paulo esteve na prisão bastou ele louvar e as coisas de DEUS começaram a acontecer, porque por intermédio do louvor tudo pode acontecer. Esta sempre foi a minha expectativa, é como pregar a palavra, não tem um peso menor porque é para edificação do corpo de Cristo.

A cantora considerou que falta muito ainda por fazer com a divulgação da música Gospel, porque o objectivo é alcançar o mundo.

Comente

Instagram did not return a 200.